11 receitas doces para incrementar sua festa junina

Pamonha, canjica e quentão não podem faltar na sua lista. 11 receitas de festa junina.


REPRODUÇÃO/DIVULGAÇÃO
11 receitas de festa junina

Compartilhe:
Valéria Cristina




Publicidade

11 receitas doces para incrementar sua festa junina

11 receitas doces para incrementar sua festa junina

A chegada do mês de junho não só traz o clima frio do inverno mas também as festas de três santos católicos: São Pedro, Santo Antônio e, é claro, São João — este último nomeia as famosas celebrações típicas que acontecem nessa época do ano.

 

Um dos aspectos mais apreciados nas chamadas festas juninas são os pratos típicos: pamonha, canjica, quentão, amendoim doce e maçã do amor estão entre os preferidos. Só que, para quem deseja fazer a sua própria festa, é preciso investir em bons ingredientes, como milho verde e leite condensado de qualidade.

 

Publicidade




Pensando em quem vai criar a sua própria versão de festa junina, com a família e/ou os amigos, vale a pena conhecer (ou mesmo lembrar) alguns dos principais doces e bebidas que devem fazer parte do cardápio junino. Veja a seguir algumas das principais receitas que vão adocicar o seu São João.

Delícias doces para o seu São João

Amendoim doce

Amendoim pralinê, beijo quente ou simplesmente amendoim doce. Seja qual for o nome escolhido, a iguaria é daquelas de comer rezando, e o melhor é que é um tipo de receita fácil e prática de se fazer em casa. Os ingredientes são basicamente amendoim sem casca, açúcar e água.

Arroz doce

Outra opção docinha e fácil de fazer é o arroz doce que pode ser tanto servido quente como frio (uma ótima ideia de sobremesa). A receita, que leva arroz cozido no leite com especiarias, como cravo e canela, provavelmente veio da Pérsia e, posteriormente, se espalhou pela Península Ibérica.

Canjica

Mungunzá ou canjica? Eis a questão! O fato é que essa receita de milho cozido no leite, hoje tão popular nas festas juninas, era muito consumida nas senzalas e quilombos brasileiros, já que foi trazida da gastronomia africana. Cravo, canela, coco ralado e até amendoim são ingredientes que fazem parte dessa delícia.

Publicidade




Cocada

Outro doce de origem africana, a cocada era feita inicialmente como uma mistura de resto de coco e açúcar mascavo ou rapadura, sendo uma oferenda aos orixás. Hoje em dia, o doce tipicamente baiano ganha novos ingredientes, como leite de coco, leite condensado e açúcar cristal.

Licor

Bebida alcoólica e doce, ótima para curtir o clima frio próprio dos meses de junho e julho e também muito popular durante as festas juninas, o licor já faz parte da tradição. Chocolate, jenipapo, maracujá, amendoim, coco, milho verde, jabuticaba, pitanga, graviola, menta e limão são alguns dos variados sabores.

Quentão

Outra bebida supertípica do São João é o quentão, feito com uma mistura de cachaça, gengibre, açúcar, cravo e canela, além de frutas, como laranja, limão e maçã. A mistura doce e quente ajuda a manter o corpo mais aquecido, mesmo nas noites mais frias, segundo a tradição.

Paçoca

Feita de uma mistura de amendoim, farinha de mandioca e açúcar, a paçoca é outro doce que ganha destaque durante as festividades juninas. A receita vem de um dos métodos mais usados pelos povos indígenas de macerar os alimentos no pilão. Não à toa, o nome paçoca significa “esmagar com as mãos”.

Publicidade




Pamonha

A pamonha é originária dos povos indígenas latino-americanos que se alimentavam com milho verde amassado misturado com manteiga, leite de coco e até erva doce. Atualmente, é um quitute muito comum no Nordeste, mas também em Goiás, Mato Grosso, Minas Gerais, Tocantins, São Paulo e Paraná e, é claro, no São João.

Pé de moleque

Feito com amendoim torrado e rapadura, o pé de moleque também entra no cardápio variado de doces típicos das festas juninas. Segundo conta a história, o nome teria surgido no século XVI, quando quituteiras vendiam o doce em tabuleiros e, ao serem roubadas por meninos pobres, gritavam “Pede, moleque, pede!”.

Maçã do amor

Terror das crianças que estão com os dentes de leite mole, a maçã do amor é outra guloseima que não pode faltar no São João. Trata-se de uma iguaria criada por uma família espanhola que decidiu ganhar dinheiro no Brasil vendendo maçãs caramelizadas. Com o tempo, o quitute passou a fazer parte dos cardápios juninos.

Mingau de milho verde

O mingau de milho verde é outra receita que tem diferentes nomes a depender da região onde é feito: curau, jimbelê, papa e até canjica de milho verde. No final das contas, estamos falando de um creme feito com milho batido, açúcar e leite, temperado com cravo e canela.

Publicidade




 



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.




cocada preta

Cocada Preta: Aprenda a Fazer Essa Delícia com Apenas 3 Ingredientes

Bolo de Fubá de Frigideira Ideal para um Lanche Simples e Rápido Com Gostinho de São João

Bolo de Fubá de Frigideira Ideal para um Lanche Simples e Rápido Com Gostinho de São João

Bolo de Milho de Latinha de Liquidificador para sua Festa Junina

Bolo de Milho de Latinha de Liquidificador para sua Festa Junina

Bolo de Fubá com Cobertura Romeu e Julieta Perfeito para sua Festa Junina

Bolo de Fubá com Cobertura Romeu e Julieta Perfeito para sua Festa Junina

queijadinha de travessa com recheio de goiabada

Receita de Queijadinha de Travessa com Recheio de Goiabada para a Festa Junina

Cocada cremosa de leite condensado

Como Fazer Cocada Cremosa de Leite Condensado: Receita para Adocicar suas Festas Juninas

Arroz doce caramelado servido em uma tigela com canela polvilhada.

Faça Arroz Doce Caramelado: Receita Prática e Rápida para Festas Juninas Tradicionais

Bolo Invertido de Paçoquinha que meu Namorado Pediu

Bolo Invertido de Paçoquinha que meu Namorado Pediu 😍

Maçã do Amor Super Cremosa Para a Sua Festa Junina

Maçã do Amor Super Cremosa Para a Sua Festa Junina

Últimas Publicações